home ask me go dash

"Gosto de pessoas inteligentes.." - "É, os opostos se atraem mesmo!"

Será que eu existo? Bem, se eu tenho dúvida, eu penso…. se penso, logo, existo!

Vamos jogar verdade ou desafio?

Primeiro Passo: Reblog esse Post
Segundo Passo: Vá na Ask de quem você reblogou esse post e lhe pergunte "Verdade ou Desafio?"
Terceiro Passo: Dependendo da resposta da pessoa, lhe pergunte algo ou lhe desafie a fazer algo.
Quarto Passo: Não seja forever alone e receba asks dessas também.

Enquanto isso, no MSN…

No meio da festa: “o que a gente faz agora?” - “vamos jogar verdade ou desafio??”

Uma pequena história real:

"Certa vez, na Espanha, havia uma família cujo pai era médico obstetra. Como era o único médico numa região de pequenos vilarejos, esse médico sempre viajava para atender as cidadelas que precisavam de seus serviços. Em uma dessas viagens estourou uma terrível guerra civil naquele país, e enquanto a família ficou de um lado da guerra, o médico ficou preso em linhas inimigas. Na tentativa de voltar para sua família, acabou capturado e forçado a trabalhar num navio militar inimigo. Anos se passaram, e a única maneira de comunicação entre o médico e sua família era enviar cartas para pessoas desconhecidas ao redor do mundo, pedindo-as que reenviassem as cartas para a familia. E assim foi. Certa oportunidade, o navio que o obstetra servia iria parar na cidade onde a familia dele estava. Sabendo disso, o capitão do navio ordenou que o médico fosse buscar algo em um escritorio que nem existia, e nesse meio tempo, partiu deixando o homem para trás. Naquela viagem o navio seria abatido por torpedos, e todos morreriam. Após mais um ano de tentativas, finalmente o homem conseguiria rever a família, que o tinha dado como morto no naufrágio. Todos menos o filho mais velho, aviador, morto um dia antes do fim da guerra civil, à uma quadra de distancia das linhas aliadas, após sobreviver a queda de seu avião de batalha. Anos depois, o médico precisaria agir novamente fora de sua especialização de obstetra. Um velho homem estava tendo uma forte crise de hérnia, e poderia morrer caso não fosse operado. Ao chegar no local, o médico reparou nos pertences do senhor, sobre a mesa de cabeceira, onde havia um relógio muito antigo e muito bonito: "Que bonito o seu relógio, onde o comprou?" - "Doutor, acontece que eu era general do exército na guerra, e este relógio em particular eu tomei de um rapaz que executei. Bonito não acha?" - "Sim, é um lindo relógio. Eu presentei para meu filho mais velho, antes da guerra estourar".  E o médico salvou a vida daquele velho homem, mesmo sabendo que tinha sido ele o assassino de seu filho. Também foi capaz de perdoar ao general, pois foi isso que sempre acreditou."

A moral da história? O perdão é mais forte que o ódio, lembre-se disso!

- A falsidade mora ao lado!
- Então você é meu vizinho?
Quem tem medo do lobo mal???????  (eu é que não tenho)

Quem tem medo do lobo mal???????  (eu é que não tenho)

Que beleza de cavalo!

Que beleza de cavalo!

Eu possuo beleza interior! Me viraram do avesso e a beleza ficou para dentro!!

Não minta para mim, você só parou para ler esse post por que a foto te chamou a atenção!

Saullo Sá

Não minta para mim, você só parou para ler esse post por que a foto te chamou a atenção!

Saullo

Esse sou eu apelando para o sexy appeal, afinal de contas, o que importa nesse Tumblr ultimamente é como você se parece, e não quem você é! 

Saullo Sá

Esse sou eu apelando para o sexy appeal, afinal de contas, o que importa nesse Tumblr ultimamente é como você se parece, e não quem você é

Saullo

Imaginem o fim do relacionamento de um necrófilo: Nosso amor morreu por que o coração dela não batia mais por mim…..

Ela: Então, gostou de sair com a amiga que te apresentei?

Ele: Mais ou menos!

Ela: Mas ela não é legal e bonita?

Ele: É sim.

Ela: Então qual o problema?

Ele: Ela não é você!

(via: FulfilledBoy)

PR0CURADO